Os regimes de apuração de receita servem para que o seu serviço de contabilidade possa apurar as receitas que a sua empresa obteve. Existem dois tipos de regime de apuração: Regime de Competência e Regime de Caixa,

Regime de Competência

O regime de competência tem por base o momento em que uma receita é realizada. Assim, as receitas são contabilizadas no mesmo mês em que elas são geradas, independente se o pagamento tenha sido recebido ou não.

Exemplo: Sua empresa realizou uma venda de materiais em setembro, o valor dessa venda já será contabilizado no mês de setembro.

Regime de Caixa

O regime de caixa tem por base o momento em que existir uma transação financeira, ou seja, o pagamento das receitas.

As empresas optantes por este regime precisam ter um controle rigoroso sobre seus lançamentos, pois os valores dos tributos atribuídos nas notas fiscais emitidas serão pagos nos meses subsequentes de cada parcela.

Exemplo: Sua empresa realizou a venda de um serviço em março, e o tomador deste serviço irá efetuar o pagamento em 4 parcelas. Essas parcelas irão ocorrer entre os meses de abril e julho, e os tributos dessas parcelas deverão ser pagos entre os meses de maio a agosto.


Importante! O regime escolhido ficará vigente em todo o ano de 2017, mas em novembro será possível alterar o modelo de tributação para o próximo ano.

Encontrou sua resposta?